150 e 149!

Putz, tri atrasada com os posts, mas não desisti. Vamo que vamo!

Baixei o aplicativo da Boa Forma pra celular, indicação de uma amiga que também está na luta. Basicamente, são colocadas as informações de peso atual e pretendido, altura, idade, quantos quilos se quer perder por semana e é calculado o número de calorias que deve-se consumir diariamente. No meu caso: para perder um quilo por semana, no meu peso atual, eu devo consumir até 1500 kcal/dia.

O legal desse aplicativo que tu pode registrar as refeições certinho, na lista de alimentos estão produtos do super e também pode-se registrar as atividades físicas.

E como foram esses dias?

No dia 150 me alimentei ok. 149 não. Tava indo certinha até a janta, daí tive a BRILHANTE ideia de comprar calzones – pra mim e pro namorado. E lá se foi 800 calorias de banha pra dentro do corpitcho. Como tinha comido menos durante o dia, totalizei 1600, o que acho que não foi tão ruim.

Essa semana estou com uma enxaqueca absurda. Achei que, nesse caso, não é desculpa e não fui a academia ainda. Se amanhã estiver melhor, eu vou.

Como é difícil, purfa.

Publicado em Dificuldades, Gordices | Deixe um comentário

152, 151: quase desisti.

Resumão do fim-de-semana.

152, sábado:

Sem grandes highlights. Me alimentei de:

– uma maçã
– um triângulo de toblerone (daqueles grandes)
– 3/4 de pizza de lombo com catupiry sadia (ok, bastante gordura, mas caloricamente não foi tão errado. cada fatia tem 180 calorias, mais ou menos – segundo a caixa)
– 2 bifes pequenos à milanesa + porção pequena de purê de batata
– salada de alface e tomate

151: domingo

Até agora, esse foi o dia mais dificil pra mim: senti vontade de jogar tudo pra cima. Queria comer um monte, doces, salgadinhos. Não era ansiedade, era vontade de comer porcaria, ponto. Não bastando isso, era uma tentação atrás da outra.

Vamos analizar como me alimentei:

– 2 bananas
– 2 bifes pequenos à milanesa + porção pequena de purê de batata (1)
– 2 porções de pipoca (2)
– 2 sanduíches de pão normal com bife + queijo clarinho + requeijão
– 1 copo de 200ml de chocolate quente (3)
– muito guaraná light e chás vermelho e branco, com suco, geladinhos.

(1) Estava na casa do meu namorado e a família dele decidiu almoçar numa churrascaria! Fiquei imaginando: chuva de carne e maionese + vontade de chutar o balde = já podemos imaginar a lambança. A minha sorte que meu namorado ainda estava na cama, e, quando eu expus minha situação, ele me ajudou com uma desculpa para ficarmos em casa. <3

(2) Resolvemos ver filme e, até onde eu sabia, pipoca não é tão calórico. Vamos conferir ao vivo no REPLÊ: informação FALSA! Posso considerar umas 700 calorias alí na pipoca, que fracasso.

(3) Passei o dia namorando um croissant de goiabada. Esse doce é de um supermercado perto da casa do meu excelentíssimo, e tem sempre. “Tem no super? Posso comprar amanhã”. Esse é um conceito que estou tentando adotar pra vida. Devo admitir que, sem meu namorado, teria sucumbido.
A família do meu namorado foi pra Gramado no fim de tarde. Quando voltaram, trouxeram um chocolate quente que estavam distribuindo por lá. Foi mais forte que eu! Não me aguentei e tomei. Incrivelmente não me senti tão mal, pois não é algo que eu tenho disponível no super (não tão bom quanto), a qualquer momento. Acho que foi um desvio de percurso válido.

Domingo, no geral, foi um dia muito difícil. Vamos ver como será minha segunda-feira.

Publicado em Dificuldades, Escolhas, Gordices | Deixe um comentário

153: mc dia feliz gone wrong

Tu está acostumando teu corpo com uma nova dieta, beleza. Mas daí tu acha que pode, numa refeição, comer como antigamente. E deu tudo certo, só que não.

Meu namorado queria conhecer um restaurante de massas, e combinamos de ir nessa sexta. O prato que eu escolhi foi: tortei recheado de moranga, pimenta, sal e canela com molho de 4 queijos – um dos meus molhos favoritos.

Chega o prato, lindo. Experimento. Delicioso o contraste entre a moranga e a chuva de queijos. O tortei era bem grandinho, e vinha uns 7 deles no prato. Um e meio eu já estava satisfeita. No quarto, comecei a empurrar. “Mas tá tão gostoso!” Comi todos, pois “antigamente” isso seria barbada e eu ainda comeria uma sobremesa.
Conclusão: passei mal a noite inteira.

Há 7 anos, quando fiz dieta pela primeira vez (e cheguei aos 55kg), toda vez que eu comia algo muito gorduroso (como essa massa, um junk food qualquer, um churrasco gordo), o corpo rejeitava. Estou impressionada que em quase 2 semanas de RA estou começando a ter as mesmas reações que eu tinha naquela época.

Nota mental: nem o corpo quer mais que o inner-gordo se manifeste. Que tal obedecer?

 

Hoje me alimentei de:

Café-da-manhã:
– torrada (queijo, presunto, margarina)

Almoço:
– saladas e frutas diversas
– frango com um molho branco
(explico: ou era bife milanesa, ou era uns grelhados mais gordos que sei lá o que. achei essa opção a menos pior)
– farofa

Lanche da tarde:
– esqueci, mesmo problema da semana passada.

Janta:
– mc dia feliz gone wrong que eu já expliquei acima.

Publicado em Escolhas, Gordices | Marcado com , , | Deixe um comentário

154: berenice, segura!

Tô feliz. Tô terminando a segunda semana bem animada e motivada. Tô conseguindo ir a academia, e acho que semana que vem já vou estar mais preparada para esportes mais puxados.

Tô realmente sentindo que a mudança dessa vez vai dar certo. Deve ser psicológico, mas eu já vejo meus braços menores! huahuahuahua

Berenice, segura, que agora vai!

 

Hoje me alimentei de:

Café-da-manhã:
– chocomilk
ADORO. E era o único achocolatado de caixinha que tinha uma versão light aceitável, nunca mais encontrei.

Almoço:
– Bife acebolado
– Salada
– lata de coca-cola zero

Lanche:
– adiviiiinha? picolé classic!

Janta:
– 2 kiwis (a-do-ro)
– alguns blueberries (ai, sou fina e nem sei escrever mirtilo)

(devo comer mais alguma coisa antes de nanar, daí atualizo amanhã)

+ Pilates

 

Publicado em Dia-a-dia | Deixe um comentário

Dia 155: um passo de cada vez

Uma coisa que nunca deu certo pra mim é mudar todos meus hábitos radicalmente e de uma vez. Estou fazendo isso aos pouquinhos, mas a minha maior dificuldade continua sendo colocar a prática de exercícios definitivamente na minha vida.

Foi muito frustrante passar mal na aula de boxe semana passada. Decidi então, pegar mais leve até me acostumar e ficar um pouco menos pesada. Ontem fiz pilates, e foi ótimo. Consegui fazer a maioria dos exercícios, e senti que, daqui um tempo, estarei com a resistência melhor. Daí eu volto a fazer boxe.
Minha flexibilidade sempre foi um lixo, o pilates também me ajuda aí.

Eu tenho plena noção de que boxe queima muito mais calorias, e que acelera consideravelmente o emagrecimento. Mas o que adianta fazer e se sentir mal? E meu objetivo não é emagrecer rápido, mas sim adquirir hábitos consistentes para uma vida saudável a longo prazo.

Hoje me alimentei de:

Café-da-manhã:
– 2 pães franceses integrais + cream cheese
– um copo de suco de acerola com maçã (sem açúcar)

Almoço:
– salada variadas (alface americana com nozes, palmito, tomate, manga, etc)
– mini porção de risoto ao funghi*
– peixe ao molho de alcaparras e maracujá
– lata de guaraná zero
* uma coisa que acho extremamente sem graça é arroz integral. prefiro pegar uma porção menor de risoto ou outros carboidratos do que sempre comer algo sem graça. E esse risoto em especial estava uma delícia!

Lanche da tarde:
– picolé classic

Durante a tarde: muita água. Tá um horror de quente, pelamor.

Janta:
– Salada de tomate
– Salmão defumado + cream cheese

EDIT:
Meio da madrugada:
Acordei as 3h da manhã morrendo de sede. Tomei um copo de chá branco com lichia (que eu adoro)

Publicado em Dia-a-dia, Sobre mim | Deixe um comentário

Dia 156

Antes de começar o post de hoje, achei sensacional esse texto do Vitor Hugo, que é, em resumo, um cozinheiro que escreve. Admito, me inspirou um monte. E ele também fala em vergonha na cara, tu vê!

Como é difícil ir para a academia, pelamor. Na minha cabeça, eu sempre tento achar uma desculpa para não ir.

Mas tu tinha que achar algum esporte que tu gosta de fazer“. Concordo. Mas eu acho que eu não gosto de nenhum esporte. Será?
Nota mental: até o meu aniversário, o 164o dia, encontrar uma atividade fisica que eu curta.

Hoje me alimentei de:

Café-da-manhã:
*bola de feno* Esqueci, simplesmente.

Almoço:
–  panqueca de brocolis
– salada (alface, tomate, cenoura e couve-flor)
– lata de coca-zero

Tarde:
– picolé classic
– uma única castanha-do-pará
– salada de fruta, pra eu não passar mal na academia hoje.

Janta:
– 2 pães francês integrais com cream cheese light
– chá branco com lichia.

+ Pilates! YEAH

Especialmente hoje estou morrendo de fome. E nada pior do que ter muitos chocolates em casa: auto controle no modo turbo.

Publicado em Dia-a-dia | Deixe um comentário

Dias 159, 158 e 157.

Os dias 159 e 158, um fim de semana, passei na casa dos meus pais. Ir para lá e não comer coisas gordas já é um belo desafio, mas acho que até fui bem. Resumindo:

159:

Café-da-manhã:
Acordei muito tarde, pulei direto pro almoço.

Almoço:
– um pedaço de costela de boi – fiz o possivel para tirar toda a gordura
– porção pequena de arroz branco
– porção pequena de farofa
– alface americana: um monte mesmo (lá na casa dos meus pais sempre tem muita salada)
– vários copos de coca-zero.

Lanche da tarde:
– Manga cortadinha e geladinha

Janta: mesma coisa que o almoço, sem a salada.

158:

Só almoço e janta:

Almoço:
– 2 panquecas de carne com queijo
– salada de pepino (de novo, um monte)
– muitos copos de coca-zero

Janta:
Aqui rolou um descontrole.
– 2 1/2 cachorro-quentes com molho de tomate, queijo, ketchup, mostarda e maionese.
Explico: nesse momento já estava na casa do meu namorado, e lá sempre tem comida boa. Aquele “meio” cachorro-quente foi puro descontrole. Pelo menos não foi pior, eu acho.
– mais de 1l de coca-zero (estava descontando a minha ansiedade no refri)

Dia 157, hoje:

A ideia era  seguir a vida, continuar na luta, mas complicou. Passei mal durante o dia, consegui mal e mal almoçar. Mas, como na janta já estava me sentindo melhor, mantive os planos com meu namorado e fomos jantar comida japonesa, mas acabei comendo demais.  Só não me sinto tão mal pois não comi muito durante o dia.

Amanhã tudo volta ao normal. E eu vou fazer pilates! :D

Publicado em Dia-a-dia, Escolhas | Deixe um comentário